Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro 19, 2012

Bolívia: indígenas rejeitam diálogo com defensores de estrada

Imagem
Indígenas amazônicos rejeitaram nesta quarta-feira o prazo limite que vence na quinta, imposto por um grupo de nativos e colonos que participaram de uma marcha até La Paz, para chegar a um acordo sobre a construção de uma estrada cruzando uma reserva ecológica na Bolívia. Indígenas do Sindicato Central Indígena de Povos do Oriente Boliviano (CIDOB), na região da Amazônia, fizeram uma marcha em outubro passado em repúdio à construção de uma estrada de 300 km, financiada pelo Brasil, cruzando o parque ecológico Território Indígena Parque Isiboro Sécure (TIPNIS), no centro do país, rico em flora e fauna.


Outro sindicato, o Conselho Indígena do Sul (CONISUR), apoiado pelo governo do presidente Evo Morales, fez outra marcha que chegou na segunda-feira a La Paz para se manifestar a favor da construção da via e deu um prazo até a quinta-feira para que o grupo de indígenas amazônicos aceite dialogar para acertar o que será feito com a obra viária. "Não vamos dialogar, nos parece uma chant…

BNDES exige um novo contrato para financiar estrada na Bolívia

Imagem
Por exigência do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), o governo da Bolívia e a construtora brasileira OAS terão de elaborar um novo contrato para a execução da rodovia que é pivô de um confronto entre o presidente Evo Morales e grupos indígenas.


A estrada foi projetada inicialmente para ter 306 km e foi dividida em três partes, sendo que o trecho 2, de 177 km, atravessaria o Território Indígena Parque Nacional Isiboro Sécure (Tipnis). A obra, orçada em US$ 415 milhões, contava com um financiamento de US$ 332 milhões do banco de fomento brasileiro.


Mas, em outubro do ano passado, após uma marcha de protesto de 61 dias que virou a opinião pública em favor dos índios, Morales acabou assinando uma lei que proíbe qualquer rodovia de cruzar o Tipnis.


No entender do BNDES, a nova legislação inviabiliza a liberação do dinheiro, uma vez que o banco não pode financiar uma obra que, em tese, está proibida por lei. A instituição agora aguarda que OAS e a estatal Administraçã…

Polêmica por estrada se intensifica na Bolívia

Imagem
CARLOS QUIROGA - REUTERS


A aprovação de uma lei que prevê consultas a grupos indígenas para a construção de uma rodovia na Amazônia boliviana provocou nesta sexta-feira um agravamento do confronto entre o governo esquerdista de Evo Morales e setores contrários à obra.


Líderes indígenas anunciaram um processo judicial internacional contra o governo, além de mobilizações de protesto contra o projeto aprovado na quinta-feira pelo Congresso, que revoga uma lei anterior, do ano passado, que suspendia a construção de um trecho da estrada financiada pelo Brasil.


Morales sofreu um forte desgaste político por causa desse conflito, quando, sob pressão de uma primeira marcha indígena, a Assembleia Plurinacional (Congresso) aprovou uma lei que declarava como "intangível" o parque nacional conhecido pela sigla Tipnis, onde vivem índios que se opõem à obra.


Recentemente, no entanto, outros setores indígenas do parque, aliados do governo, realizaram uma segunda marcha até La Paz, exigindo a re…

Irmão mais velho de líder norte-coreano é despejado de hotel na China 19/2/2012 , Por Redação, com agências internacionais - de Macau, China

Imagem
Filho mais velho do falecido líder norte-coreano Kim Jong-il e irmão do atual líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, Kim Jong-nam foi despejado de um hotel de luxo em Macau, no sul da China, por não ter condições de pagar a fatura de US$ 15 mil, informou neste sábado um veículo da imprensa de Hong Kong. O diário “South China Morning Post”, que divulga informações surgidas inicialmente no semanário russo “Argumenty i Fakty”, relatou que Kim Jong-nam foi expulso do Grand Lapa Hotel quando a direção do estabelecimento descobriu que seu cartão de crédito fora cancelado.


Funcionários do hotel consultados pela Agência Efe assinalaram que não podem fazer comentários sobre o incidente, ainda que não os tenham negado. A imprensa escrita especula que o cancelamento do cartão de Kim Jong-nam pode ter relação com o fato de ele ter afirmado recentemente em entrevista à imprensa japonesa que seu irmão Kim Jong-Un, novo líder máximo da Coreia do Norte, não é o nome mais indicado para dirigir o país.


O…

Ministra diz que maior preocupação neste carnaval é com abuso de crianças e homofobia 19/2/2012 14:50, Por Agência Brasil

Imagem
Brasília – A ministra Maria do Rosário, da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, visitou hoje (18), em Brasília (DF), a central de atendimento do Disque Direitos Humanos – Disque 100. A visita, segundo a própria ministra, faz parte das atividades da Campanha Nacional de Combate à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, lançada na última quinta-feira (16), em Recife (PE).


Em função do carnaval, o atendimento foi reforçado, com o reescalonamento dos plantões dos 450 atendentes, analistas, supervisores e monitores de atendimento. A maior preocupação deste período é com as crianças e adolescentes, que ficam mais vulneráveis esta época do ano.


“É muito importante que os conselhos tutelares e a base da rede de proteção estejam funcionando devidamente para que possamos atender às denúncias aqui na central e fazer que a pessoa seja atendida e protegida na cidade de onde partiu a denúncia”, disse a ministra, acrescentando que o objetivo do serviço é “garantir que a vi…

Strauss-Kahn será interrogado em caso de rede de prostituição 18/2/2012 16:48, Por Redação, com BBC - de Paris

Imagem
O ex-diretor-chefe do FMI Dominique Strauss-Kahn será interrogado pela polícia na próxima semana, em uma investigação sobre uma suposta rede de prostituição no norte da França, disseram autoridades francesas.


Suspeito de envolvimento com o esquema, Strauss-Kahn foi convocado para depor na terça-feira, e pode ser detido por até 48 horas sem uma acusação formal.


Ele renunciou ao comando do FMI em maio de 2011, depois de ser acusado de estuprar a camareira de um hotel em Nova York.


Embora a Justiça americana tenha rejeitado a acusação, o caso acabou com os planos de Strauss-Kahn de concorrer à Presidência da França este ano – antes do escândalo, ele liderava as pesquisas de intenção de voto.


Um inquérito sobre acusações de estupro feitas contra Strauss-Kahn pela escritora francesa Tristane Banon também foi abandonado.


No entanto, o ex-diretor do FMI ainda enfrenta um processo civil nos EUA, movido por sua suposta vítima de Nova York, a camareira Nafissatou Diallo. Strauss-Kahn sempre negou te…

Ministro Maurício Corrêa é sepultado em Brasília 18/2/2012 18:39, Por Redação, com STF - de Brasília

Imagem
O ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal (STF) Maurício Corrêa foi sepultado no cemitério Campo da Esperança, em Brasília, por volta das 17h deste sábado. Ele faleceu nesta sexta-feira, em Brasília, em razão de uma parada cardiorrespiratória. Indicado pelo ex-presidente da República Itamar Franco para ocupar a vaga deixada pelo ministro Paulo Brossard, Maurício Corrêa atuou na Corte por quase dez anos.


Julgamentos importantes


Entre as importantes atuações de Maurício Corrêa como ministro do STF destaca-se o julgamento, pelo Plenário da Corte, do pedido de Habeas Corpus (HC 82424) de Siegfried Ellwanger, acusado do crime de racismo por ser o responsável pela edição e venda de livros fazendo apologia de ideias preconceituosas e discriminatórias em relação à comunidade judaica.


O ministro pediu vista dos autos e, posteriormente, ao proferir seu voto, abriu divergência do relator e foi seguido pela maioria da Corte. Maurício Corrêa negou o pedido por entender que a prática de racism…